Semana da INCLUSÃO REVERSA

  • 266 Alunos matriculados
  • 030 Horas de duração
  • 19 Aulas
  • 7 Módulos
  • 1 mês de suporte
  • Certificado de conclusão
Acesso Gratuito
Acessar Dê um passo adiante em sua carreira!
Sou diretora da CONECTE HS ACADEMY, mãe de um lindo menino com autismo e a minha missão é trabalhar com EDUCAÇÃO INCLUSIVA!
Lissandra Lopes de Oliveira

Aqui os "excluídos" ensinam o verdadeiro acolhimento!

Segundo Paul Jehle, "As áreas nas quais somos fortes e fracos podem diferir, mas não há aprendiz que seja completamente dotado em TODAS as áreas, nem aprendiz que seja completamente incapaz em todas as áreas."

A proposta da SEMANA DA INCLUSÃO REVERSA é que nós, familiares, profissionais verdadeiramente acolhedores e pessoas com deficiência, indiquemos o caminho da inclusão do jeito que A GENTE precisa, acredita e ESCOLHE viver.

Se você consultar o dicionário verá que a palavra "reverso", que vem do latim "reversu", significa revirado, do lado oposto. De dentro para fora, esta é a educação que queremos viver. Mentes renovadas, Caminho no deserto. Acreditamos na individualidade e potencialidade de cada ser. 

Ao final da semana, todas as dicas e orientações dos palestrantes virarão um Manual de Boas Práticas da Inclusão Reversa.  

De 21 a 26/09/20 a Conecte HS Academy virará um buquê de flores de histórias de acolhimento. 

Há perfume no ar, chegou a primavera, tempo de flor&ser! 

Ajude-nos a DIVULGAR a nova estação! Você faz pARTE  deste chamado.


1 mês Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 1 mês após a matrícula.

Todos os seres humanos.  

Lissandra Lopes de Oliveira
"Sou diretora da CONECTE HS ACADEMY, mãe de um lindo menino com autismo e a minha missão é trabalhar com EDUCAÇÃO INCLUSIVA! "

   

Lissandra Lopes de Oliveira é especialista em Leitura Dinâmica e Otimização do Estudo, diretora da Conecte HS Academy, do Instituto Angelicum, do Instituto de Otimização da Mente (IOM), coautora do livro "Como Ler 1000 Palavras por Minuto" e idealizadora do projeto Fabrica de Leitores. 

PRINCIPAL: Especialista no método Juarez Angelo Lopes de Leitura Dinâmica, trabalha há30 anos com o treinamento de aceleração da leitura. 

OUTRAS QUALIFICAÇÕES: •Otimização do Estudo; •Administração de Emoções; •Controle da Mente: •Descondicionamento e Recondicionamento Cerebral; •Programação Neurolinguística; •Análise Transacional. 

HISTÓRICO RECENTE: Instrutora do curso de Leitura Dinâmica da ESAJ - Escola Superior de Administração Judiciária do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, do Instituto de Otimização da Mente e do Instituto Angelicum. Instrutora de palestras e cursos de Leitura Dinâmica para os colaboradores da DATAPREV Rio, do TRT de Florianópolis e de Porto Alegre, da Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) de Brasília, da OAB do Méier (RJ), da Construtora Norberto Odebrecht Rio, bem como para os alunos das Universidades Cândido Mendes, UNIABEU, UERJ, UFRJ, do OBCURSOS de Goiânia dentre outras inúmeras instituições de ensino.


Ao final do evento você receberá um certificado digital de participação.

Conteúdo Programático

Para aquecer os nossos motores, liberamos uma aula prática de INCLUSÃO REVERSA para vocês.

Miguel Marques, famoso especialista em Inclusão Reversa, nos deu a honra de registrarmos a sua abordagem ultra potente de acolhimento in loco. Vale a pena conferir!

Funciona até para meninos autistas que não curtem live.
  • 1. Aula prática de Inclusão Reversa - Miguel, Leandro e Glaucia Mizuki
Participantes da Roda de Conversa: Catherine Dantas, Áurea Eveline, Gizele Aguiar, Nathalia Quintella.

___________________________________________________________________________

CATHERINE DANTAS https://www.instagram.com/apontandoparaofuturo/
37 anos , é uma carioca morando em San Diego, dentista, oficial da reserva da FAB, mãe do Kenzo e do Bento esse último diagnosticado com autismo severo; Autora do ig @apontandoparaofuturo que tem como objetivo divulgar a causa autista, falar sobre a importância do tratamento, da intervenção precoce, do envolvimento dos pais na intervenção da criança com autismo e criar uma rede de apoio para mães de autistas.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: "A inclusão precisou começar na minha casa, na minha família , quando eu aceitei que meu filho que eu tanto idealizava não estava mais ali, mas que eu ainda tinha um menino lindo, que ainda sim , é capaz de ser tudo que ele puder ser. Quando meu amor incondicional de mãe entendeu que as conquistas são medidas não pelo o que os outros estão fazendo, mas apenas pela singularidade do meu pequeno."

______________________________________________________________________________

ÁUREA EVELINE (11/12/1973) https://www.instagram.com/evelineaurea/
Mãe de Pedro, Júlia, João Victor e Luca
Casada com Cleverlan a 29 anos .
Atua na rede municipal de educação de Teresópolis a 26 anos , como professora do fundamental I, atendimento domiciliar a crianças e adolescentes com deficiência ou necessidades especiais .
Psicopedagoga e Mediadora Físico Emocional .

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: "Ao se aproximar de uma mãe /família de pessoa com deficiência, não puxe assunto sobre a patologia ou deficiência em si. A pessoa é muito mais do que um laudo!! Converse sobre assuntos do dia a dia, leves. Se a pessoa sentir necessidade, ela falará mais especificamente sobre a deficiência do filho. Saiba que ao se aproximar, demonstrar empatia , você estará sendo exemplo para seu filho e, como sabemos, o exemplo fala mais que muitas palavras."

_________________________________________________________________________________

DRA. GIZELE AGUIAR https://www.instagram.com/gizeleaguiar_fisio/
Palestrante
Fisioterapeuta
Fundadora do método Mediação Físico Emocional
Diretora do Centro de Bem-estar e Desenvolvimento Humano CASA VIDA Teresópolis-RJ.
Pós graduada em Neuropsicologia e Inteligência Socioemocional.
Pioneira e criadora da EDUCAÇÃO FÍSICO EMOCIONAL nas escolas particulares e públicas: para professores, alunos e pais.
Já palestrou em congressos nacionais on-line e presenciais para mais de 85.000 pessoas.

_________________________________________________________

NATHALIA QUINTELLA https://www.instagram.com/nquintella/
Pedagoga pelo UNIFESO. Pós-graduada em Língua Brasileira de Sinais pela Universidade Barão de Mauá. Mestre em Educação pela UCP. Atua na educação desde 2009. Iniciou sua caminhada em sala de aula com a educação infantil, passou pelo fundamental. Onde também trabalhou como tradutora/intérprete de LIBRAS. Em 2015 começou a dar aula no ensino superior, onde se mantém até hoje.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Para incluir é preciso conhecer!

__________________________________________________________________________

MARCOS PETRY
É portador de uma lesão cerebral e autista. Ele possui o canal Diário de um Autista no YouTube, através do qual divide experiências de inclusão, bem como afirma a crença nos talentos de cada indivíduo no espectro ao invés do luto ou desconsideração de tais potencialidades, canal este que tem mais de 140 mil inscritos.

Marcos é escritor e palestrante. Tem dado conferências pelo Brasil abordando a educação inclusiva e as ferramentas para que se obtenham contextos inclusivos no lar.

Além de produtor de conteúdo e palestrante,Marcos é escritor: Publicou as obras: “Contos de Meninos e Meninas, Contos de Homens e Mulheres (2016)

Memórias de um Autista por ele Mesmo vol I (2018) e Memórias de um Autista por ele Mesmo volume II (2019).

Por seus serviços prestados a sociedade catarinense, foi laureado com a Comenda do Legislativo Catarinense, maior honraria do estado de Santa Catarina.

SAIBA MAIS
sobre o curso A Jornada de Um Super-heroi Autista
https://ead.conectehsacademy.com.br/curso/a-jornada-de-um-autista

É uma grande honra tê-lo como produtor de conteúdo da CONECTE HS ACADEMY.

  • 1. Catherine Dantas
  • 2. Áurea Eveline e Dra. Gizele Aguiar
  • 3. Aula do Marcos Petry [às 20h]
Participantes das Rodas de Conversa:
Biba Arruda Marques, Priscila Lima, Iracema Kunkel e Glória Black
Livea Flor, Cordella e Edson Honório
Mari Oliveira e Dra. Elaine Rodrigues

_____________________________________________________________

BIBA ARRUDA MARQUES https://www.instagram.com/anabeatrizamarques/
Esposa do Reinaldo mãe da Ana Thereza, Maria Clara, Miguel. Mãe em tempo integral. Dona de Casa em construção. Somos os #arrudAMARques Família educadora Homeschool comprometidos com educação. Capacitada na Parsons School NY
Escrit-ora intercess-ora
Evangelista
Faz parte Ministério de Formação Acadêmica da Igreja Cristã da Família

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Quanta coisa cabe num abraço? parece um laço. Quando te faltar palavras, quando não souber o que dizer, simplesmente abrace. Acolha, envolva, derrame-se, permita-se. Seja ombro, porto seguro, braço que sustenta ponto de partida e encontro, local onde corações se encontrem e braços se entrelacem. Você pode não ter explicação nem respostas, mas tem presença que é presente. Um abraço oportuno jamais é esquecido. Fortalece, engrandece, faz ponte e destrói muros. A nossa diferença é o que nos torna semelhantes. Abraço é pódio de chegada, é largada. É intercecção. Somos UM só corpo, um só Espírito. Estamos voltando pra casa, somos de lá vivendo aqui, verdadeiros, abraços no mais amplo sentido que abraço signifique, nos identificam com nosso propósito: embaixadores do céu na terra. Sal na terra e luz no mundo.

____________________________________________________

PRISCILA LIMA https://www.instagram.com/priscila_lemoslima/
Esposa do André, meu melhor amigo; mãe de dois milagres, Poliana e Marcos André, pessoinhas incríveis; tutora do Classical Conversations, comunidade homeschooler de educação clássica cristã; revisora e tradutora; eterna aprendiz, totalmente dependente da graça maravilhosa de Jesus.

DICA:

Aquele Abraço
Se acolher é aceitar, receber, admitir,
Acolher é abraçar.
Se acolher é atender, ouvir, levar em consideração,
Acolher é abraçar.
Se acolher é abrigar, agasalhar, proteger,
Acolher é abraçar.
E abraçar é oferecer intencional e alegremente os braços.
Movimento de dentro pra fora, de mim para o outro.
Abraçar é buscar o outro, é amar antes mesmo de conhecer.
Abraçar é fazer um cafuné gostoso no coração do outro.
É se colocar no lugar do outro e genuinamente acolher.
Acolher o diferente, único, especial.
Acolher é reconhecer a imagem, a semelhança.
É ver no outro uma potencial identidade em Cristo.
É ajudar o outro a olhar para dentro de si e declarar:
“Graças te dou, Senhor, visto que de modo assombrosamente maravilhoso me formaste; as tuas obras são admiráveis, e a minha alma o sabe muito bem.”
A todos que sonham com uma sociedade de verdadeiramente incluídos e acolhidos...
... o meu abraço. Aquele abraço!

____________________________________________________________

IRACEMA KUNKEL https://www.instagram.com/iracema3168/
Mãe de um filho com autismo

Trabalho: International Mission Board (USA)- desde 1990
Formação: Pedagogia e Teologia - Brasil
Curso de Metodologia Linguistic – Brasil
Cursos sobre Autismo: TEACCH – UNC School of Medicine, USA e CANADÁ
Conferencista internacional sobre Autismo

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Nunca temer ir contra-corrente (inclusão reversível), assim todos excluídos serão acolhidos.

_____________________________________________________________

GLÓRIA BLACK https://www.instagram.com/estevao_gloria/
Formação: Pedagogia e Teologia
Pós: Docência Superior e Libras.
Mestrando Missiologia
Atuação: Facilitadora de processo na tradução bíblica; Intérprete/Libras.
@estevao_gloria

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Correlacionar empatia e resiliência para acessibilidade reversa.

________________________________________________________________

LIVEA FLOR - Atleta Paralímpica https://www.instagram.com/atletalivea/

A corrida me tirou da depressão e o esporte paralímpico me fez querer vencer como atleta e pessoa .
Minha frase é: “Sem tempo para o que me limita“

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Não queremos ser tratados com diferença, temos limitações mas somos capazes de muito mais do que nossas limitações !
Não podemos encarar a deficiência como o fim, mas sim como um ponto de partida para algo espetacular!

_______________________________________________________

Carlos Alberto Cordella Júnior https://www.instagram.com/_cordella_/

Licenciatura Plena em Educação Física - UFRJ 2004

Head Coach da Equipe Cordella Team há 10 anos
Atuou como Treinador da Peaks Coaching Group Brasil - RJ, em 2019, equipe americana liderada pelo Hunter Allen
Trabalhou nas maiores academias do Brasil: Cia Athletica, Bodytech e Bio Ritmo

Treinador nível 2 CBTri
Treinador Nível 1 ITÚ/ CAMTri
IRONMAN Certified Coach 2015

Trabalhou no Botafogo Futebol e Regatas, em 2006, como auxiliar de natação na Equipe Petiz 2

DICA DE INCLUSÃO REVERSA : atividades com equipes mistas, brincadeiras antes de iniciar um treino para deixar as pessoas mais descontraídas e rirem.

Uma das vantagens de lidar com grupos heterogêneos é proporcionar atividades em que misturamos as pessoas e realizamos atividades lúdicas , de forma que prevaleça o espírito de cooperativismo, união.

______________________________________________________

Edson Honório de Oliveira https://www.instagram.com/edsunrj/
44 anos, filho do Sr. Osvaldo e da Dona Dalva, marido da Lissandra, pai do Leandro, analista de negócio, sócio da Conecte HS Academy e triatleta amador.

Usarei um texto que postei no Facebook em 16/03/16 para apresentá-lo:

"Hoje forma-se um HERÓI.
Quero registrar publicamente o enorme orgulho que sinto pelo maridão Edson Honório, que apesar de todas as dificuldades que a natureza lhe impôs (transtorno de défcit de atenção grave, dislexia e disfunção da fala) se formou ano passado e hoje terá a sua colação de grau.

Foi uma vida inteira se sentindo diferente, com muita dificuldade em manter-se focado, tendo que ler mais de 3 vezes para conseguir começar a entender o que lia. Até que em março de 2015, aos 39 anos, finalmente foi diagnosticado.

Lembro-me bem quando a sua médica disse:
“ - Edson, pela gravidade dos seus problemas, provavelmente quem o ajudou a fazer as provas desde o tempo escolar deve ter sido o seu anjo da guarda! A maioria das pessoas com os seus problemas acaba abandonando a escola e dificilmente completa uma faculdade. Parabéns!”

Enfim, num mundo tão cruel com aqueles que não se encaixam nos ”padrões normais”, você superou todos os preconceitos e virou o jogo.
Hoje sabemos que o fato de você ser um esportista fez toda a diferença, foi o que o manteve em pé. Esta foi a melhor herança que seu pai lhe deu: o amor pelo esporte!

Aproveito este dia também para agradecer a sua mãe que, mesmo sem fazer a menor ideia do que você tinha, sempre esteve contigo funcionando como o seu segundo cérebro.

Obrigada pelo exemplo e pela inspiração, sempre que me vejo paralisada diante de um obstáculo lembro de você e consigo seguir em frente.
Nosso filho tem muita sorte de ter você como pai!

Te amamos muito.
Lis e Lelê"

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Usar o ESPORTE como caminho de inclusão e fortalecimento da autoestima.

___________________________________________________________________

MARIANA DE OLIVEIRA - https://www.instagram.com/marideoliveira.com.br/
Mariana de Oliveira, 38anos é mãe do Dudu que nasceu com mielomeningocele, uma malformação da coluna, e passou a fazer tratamento na AACD. De mãe de paciente, Mariana virou também paciente. Ela tem doença de Crohn e sofreu uma perfuração intestinal que evoluiu para uma infecção generalizada (sepse). A amputação das pernas e dedos das mãos foi inevitável. [Entrevista à Veja SP por Helena Galante]

_____________________________________________________________________

DRA. ELAINE RODRIGUES https://www.instagram.com/elaine.fisiobioterapeuta/
Fisioterapeuta
Coordenadora do Centro de Bem-estar e Desenvolvimento Humano CASA VIDA Teresópolis-RJ.
Pós graduada em Fisioterapia em Uroginecologia e Obstetrícia.
Pós graduada em Psicomotricidade.
Pioneira em Reprogramação Biomuscular em Teresópolis-R.J
Analista Corporal, formada pelo Corpo Explica.
Anatomia Emocional
Jahara Tequinic (técnica aquática)
Co-idealizadora da Aquaterapia Consciente,
Bioalinhamento
Atua com a Leitura Biológica e as mais modernas técnicas de análise do comportamento físico e emocional.

  • 1. Biba Arruda Marques, Priscila Lima, Iracema Kunkel e Glória Black [às 9h ]
  • 2. Lívea Flor - Atleta Paralímpica, Carlos Alberto Cordella Júnior e Edson Honório [às 16h]
  • 3. Mariana de Oliveira e Elaine Rodrigues [19H]
Participantes das Rodas de Conversa: Caio de Melo, Rosalice Gualberto, Daniela Rubi, Gisélia Cardoso de Oliveira, Eva Mendes, Renata Mendes, Caio Gimenes, Prof. Dr. Ricardo da Costa

_____________________________________________________________________

CAIO DE MELO https://www.instagram.com/caio_melo/
Há 15 anos comecei a pesquisar sobre o desenvolvimento humano para encontrar soluções de prevenção e restauração aos problemas sociais. Me formei em psicologia pela UFRJ e trabalhei como pesquisador, terapeuta, educador infantil e professor, sustentando uma abordagem transdisciplinar, complexa e perinatal. Atualmente ofereço formações e colaboro com distintos projetos relacionados à saúde e educação.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Cultivar a felicidade.

ACABAMOS DE SUBIR UM CURSO GRATUITO DO CAIO NA PLATAFORMA ESPECIALMENTE PARA VOCÊ, CONFIRA! https://ead.conectehsacademy.com.br/curso/introducao-a-psicologia-da-felicidade
________________________________________________________________________

DANIELA RUBI https://www.instagram.com/dr_educacional/
Esposa do Anderson há 14 anos, mãe por adoção do Bruno (14) e da Carolina (11), graduada em Pedagogia (2009), Neuropsicopedagoga clínica e institucional (2020), experiência na docência em diversos contextos e faixas etárias, tenho atuado como Consultora Educacional junto à DR Educacional - empresa que fundei e administro desde 2017 - desempenhando um excelente trabalho na capacitação pedagógica de famílias e docentes, incluindo gestores e demais profissionais em escolas públicas e privadas. Produzo Guias Curriculares e Metodológicos, realizo palestras e cursos sobre a Abordagem Educacional Educação para Integridade - EPI, Abordagem Educacional por Princípios - AEP, Alfabetização Fônica... além de propor soluções educacionais para o lar e para a escola utilizando a tecnologia a favor do ensino e da aprendizagem.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Na adoção todos precisam acolher as necessidades especiais uns dos outros, pais e filhos. Devemos estar sensíveis para identificar as necessidades escondidas nos quartinhos escuros do coração.

_______________________________________

ROSALICE GUALBERTO https://www.instagram.com/rosalicegual/
Bacharel em Comunicação Social pela Fundação Armando Álvares Penteado, Licenciada em Pedagogia pelas Faculdades Pinheirense e Pós Graduada em Psicopedagogia pela PUC – São Paulo. Atuou como diretora e coordenadora de várias escolas cristãs que aplicam a Abordagem Educacional por Princípios (Escola Modelo Cristão, Centro Renovo de Educação). Atualmente dedica-se à tutoria de alunos com necessidades especiais, produção de materiais pedagógicos e treinamentos de professores.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Acredito que o portador de necessidade especial precisa aprender a se comunicar e por isso precisamos fazer com que o significado das palavras seja compreendido por eles. O acréscimo de vocabulário amplia em muito essa possibilidade de interação e essa é minha dica para essa semana.

___________________________________________

GISÉLIA CARDOSO DE OLIVEIRA https://www.instagram.com/giseliacoli/
Mãe da Vitória, filha da D. Maria, esposa do Hugo
Administradora, profissional de Recursos Humanos até 2018
Facilitadora de Desenvolvimento Humano, Coach, mãe do Programa AMA-DURE-SER voltado ao autoreconhecimento e autoacolhimento, através da escuta ativa.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: A primeira pessoa que devemos acolher é a nós mesmos, revisitar nossa história com amor e maturidade, tirar os entulhos que encobrem nossa candeia, revisitar, com olhar limpo, e próprio, sem o peso da comparação, descobrir a semente que em nós Deus plantou e aduba-la de acordo com o que ela é, respeitando nosso design próprio, oferecendo ao mundo que nos cerca aquilo que Deus depositou em nós, e então florescer, frutificar e AMA-DURE-SER!

_______________________________________________

EVA MENDES https://www.instagram.com/evaccsmendes/
Pedagoga, Psicopedagoga, Especialista em Neuropedagogia, Mestre em Educação e Doutora em Distúrbios de Desenvolvimento.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Utilizar os jogos e brincadeiras em suas múltiplas possibilidades como forma de motivação para aprendizagem.

________________________________________________

RENATA MENDES https://www.instagram.com/integracao.ees/
Terapeuta Ocupacional com pós graduação em Terapia Ocupacional Pediátrica e Certificação Internacional em Integração Sensorial pela Universidade do Sul da Califórnia.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Olhar com empatia os desafios apresentados pela criança em suas atividades diárias, criando, assim, oportunidades de maior participação.

___________________________________________________

CAIO GIMENES - https://www.instagram.com/caiogimenesfotografo/
Fotógrafo há quase 10 anos, já fotografou grandes artistas e pessoas dentro e fora do país, já ministrou palestrar em várias cidades do Brasil; no entanto, se considera um contador de histórias.
“Ajudo fotógrafos a extrair o que cada um carrega dentro de si, sua forma de olhar, viver e ser quem é, o que fez mudar o meu próprio trabalho.
Essa mudança aconteceu no momento em que entendi que o meu olhar perante a história do outro deveria valorizar o que nem sempre ele mesmo valoriza, extrair os pontos que a fazem forte e única, mesmo que ele nem sempre consiga ver e contar essa história.
Não apenas registrar, mas capturar o que há de único em cada um.”

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Respeitar a história e tudo que torna o próximo diferente de nós é uma das maiores inclusões.

____________________________________________________________________

PROF. DR. RICARDO DA COSTA

Bacharel e Licenciado em História (UNESA, 1993), Mestre e Doutor em História Social (UFF, 1997 e 2000), Pós-Doutor em História Medieval e Filosofia Medieval (Universitat Internacional de Catalunya, UIC, Barcelona, 2003 e 2005) e em Literatura Medieval (Universitat d'Alacant, UA, 2017). Professor Titular da UFES. Professor Efetivo do Programa de Doctorado "Transferencias Interculturales e Históricas en la Europa Medieval Mediterránea" da Facultade de Filosofia e Letras da Universitat d'Alacant (UA-Espanha). Acadèmic corresponent a l'Estranger n. 59 da Reial Acadèmia de Bones Lletres de Barcelona (RABLB, Espanha, 15-12-2005). Membro de CAPIRE (Colectivo para el Análisis Pluridisciplinar de la Iconografía religiosa Europea da Universidad Complutense de Madrid, UCM). Líder do Grupo de Pesquisa do CNPq "Arte, Filosofia e Literatura na Idade Média". Membro de IVITRA (Institut Virtual Internacional de Traducció), da Universitat d'Alacant (Espanha). Trabalhos disponíveis em seu site. www.ricardocosta.com

REFLEXÃO: Fala-se muito hoje em inclusão social. O tema não é novo. Diz respeito à igualdade de oportunidades. Para todos. Historicamente, quando surgiu a ideia? Onde? Por que? Para que? Respondo: 1 na Idade Média; 2 através das ações da Igreja Católica - universalização da Educação, criação de uma rede de escolas (monásticas, catedralícias) e de universidades (Oxford, Salamanca, Roma, Paris, Montpellier...); 3 com a evangelização cristã (Mt 28, 18-20), a salvação tornou-se possível a todos, indistintamente. Essa foi a origem da inclusão: o caráter prosélito e universal da religião católica.
  • 1. Caio de Melo, Rosalice Gualberto, Daniela Rubi e Gisélia Cardoso de Oliveira [às 9h]
  • 2. Eva Mendes, Renata Mendes e Caio Gimenes [às 13h]
  • 3. Prof. Dr. Ricardo da Costa - Aula AO VIVO [às 21h30]
Participantes das Rodas de Conversa: Telma Carvalho, Rafael de Moura, Marcos Petry, Ana Beatriz Paz e Cristiane Lustosa Pinheiro

___________________________________________________________________

TELMA CARVALHO https://www.instagram.com/tel_pri/
Sou a Telma mãe do Artur de 6 anos, vivemos no mundo do Autismo há quatro anos.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Inclusão começa dentro de casa, com os familiares, amigos, e assim por diante, inclusão não pode ser forçada.

O CURSO GRATUITO CITADO PELA TELMA É O DE MEDIAÇÃO FÍSICO EMOCIONAL - MÓDULO 1 https://ead.conectehsacademy.com.br/curso/casavida-mediacao-turma03

_______________________________

RAFAEL DE MOURA https://www.instagram.com/rafaeldemouraoficial/

Músico, ator, artista circense (malabarista e palhaço), produtor, diretor e estudante de Psicologia na PUCRS. Fez parte do elenco de O Menino Maluquinho (2000), de Adriane Mottola, que lhe rendeu os Prêmios Tibicuera de Melhor Ator Codjuvante e o Prêmio Isnard Azevedo.
Atualmente integra o elenco do Circo Teatro Girassol e é contratado da Ong Doutorzinhos, onde atua como facilitador, ministrando oficinas de teatro e técnicas de palhaço. E é diretor da Escola De Palhaços Construindo Seu Clown onde forma e habilita novos palhaços. Também foi convidado recentemente pela Aliança Francesa para fazer um curso de formação terapêutica através da Escola Construindo Seu Clown em Angola, na África.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: A fala que parte daqui sempre é do brincar e do olhar puro da criança no adulto e desta permissão que buscamos ganhar para entrar no jogo do brincar da criança ou da plateIa.

ATENÇÃO: Estão abertas as inscrições para participar da nossa SEMANA DE INTRODUÇÃO À PALHAÇARIA TERAPÊUTICA.
O curso é 100% GRATUITO e para participar basta acessar nosso site e fazer o seu cadastro:
🎯www.construindoseuclown.com.br🚨

___________________________________________________

MARCOS PETRY https://www.instagram.com/petrym5/
portador de uma lesão cerebral e autista. Ele possui o canal Diário de um Autista no YouTube, através do qual divide experiências de inclusão, bem como afirma a crença nos talentos de cada indivíduo no espectro ao invés do luto ou desconsideração de tais potencialidades, canal este que tem mais de 140 mil inscritos.

Marcos é escritor e palestrante. Tem dado conferências pelo Brasil abordando a educação inclusiva e as ferramentas para que se obtenham contextos inclusivos no lar.

Além de produtor de conteúdo e palestrante,Marcos é escritor: Publicou as obras: “Contos de Meninos e Meninas, Contos de Homens e Mulheres (2016).

Memórias de um Autista por ele Mesmo vol I (2018) e Memórias de um Autista por ele Mesmo volume II (2019).

Por seus serviços prestados a sociedade catarinense, foi laureado com a Comenda do Legislativo Catarinense, maior honraria do estado de Santa Catarina.
_________________________________________________________

ANA BEATRIZ PAZ https://www.instagram.com/biapazzzz/
Terapêutica Junguiana, Sistêmica, Mediadora Físico Emocional e Mãe.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Dica - O aprimoramento multidisciplinar dos Pais.

___________________________________________________________

CRISTIANE FEITOSA PINHEIRO https://www.instagram.com/cristianeufpi/
Mestre e Doutora em Educação - UFPI/PI
Especialista em Língua Portuguesa – PUC/MG
Licenciada em Letras Português/Inglês – FAFOPA/PE
Bacharel em Ciências Jurídicas – UESPI/PI
Professora Adjunto da UFPI – Curso de Letras
Pesquisadora nas áreas de História da Educação e Estudos Literários
Pessoa com MND (Doença do neurônio motor)

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: superação e vida acadêmica

A pessoa com deficiência no contexto da legislação brasileira
A pessoa com deficiência tem sido alvo discursivo de leis, convenções internacionais, pesquisas científicas, campanhas educativas e políticas.
Conceituada pelos outros, tornou-se aquela parte do humano de quem se fala e, raramente, que tem oportunidade para de si mesma falar.
Acessibilidade e tratamento diferenciado são as palavras-chave das muitas narrativas que os outros constroem e contam a respeito dos interesses das pessoas com deficiência.
Mas, o que pensa e o que quer a pessoa com deficiência, seja ela física, mental, intelectual ou sensorial?
Por isso, a CONECTHS preparou uma série de rodas de conversa em que os protagonistas serão aqueles de quem se fala: as pessoas com deficiência.
A Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência (CDPC), em seu artigo 1, define as Pessoas com Deficiência como sendo “aquelas que têm impedimentos de natureza física, intelectual ou sensorial, os quais, em interação com diversas barreiras, podem obstruir sua participação plena e efetiva na sociedade com as demais pessoas”.
Nesse sentido, pode-se afirmar que deficientes são os lugares que impedem a plena participação efetiva das pessoas em sociedade, através de algum tipo de barreira. Segundo Gurgel (2019, p. 24), “a natureza da deficiência das pessoas [...] deixa de ter primazia. Em seu lugar se coloca o ambiente, com seus efeitos sociais, econômicos e culturais, que pode restringir ou impedir o pleno exercício e gozo de direitos”.
Colocando o lugar como o centro do problema e não mais a PCD, a possibilidade de encontrar soluções para a efetivação da inclusão torna-se algo a ser atingido de forma mais eficiente.
Porém, o protagonista das decisões deverá ser a pessoa com deficiência ou como afirma o lema “nada sobre nós, sem nós”, de William Rowland.
Dessa forma, a Semana da Inclusão Reversa oportunizará as pessoas com deficiência falarem de si mesmas, narrarem suas histórias de vida e de superação.
Por que inclusão reversa? Porque se pretende abrir um espaço de fala para as pessoas com deficiência mostrarem seu lado não conhecido, o seu oposto, uma vez que, na maioria das vezes, só se conhece o lado do seu impedimento, da sua deficiência e, por ele, tais pessoas são reduzidas.
A deficiência tem seu reverso: as possibilidades, as potencialidades do sujeito. Nenhuma pessoa é sua deficiência, logo, projetar os holofotes sobre o não-dito, o não-revelado fará com que esse sujeito possa ser identificado, individualizado e não mais rotulado.
Reverso vem do latim “reversu”; de revertere, voltar, tornar. Aplicando a noção etimológica ao que se propõe com a Semana, dar-se-á oportunidade à pessoa com deficiência de tornar ao seu lugar de origem: o de pessoa humana, dotada de direitos, apenas e não o de mera pessoa com deficiência, marcada por sua restrição.
Referências:
BRASIL. DECRETO Nº 6.949, DE 25 DE AGOSTO DE 2009. In.: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2009/decreto/d6949.htm

GUGEL, Maria Aparecida. Pessoas com deficiência e o direito ao concurso público: reserva de cargos e empregos públicos, administração pública direita e indireta. Belo Horizonte: RTM, 2019.
  • 1. Rafael de Moura e Telma Carvalho [às 9h]
  • 2. Marcos Petry, Bia Paz e Cristiane Lustosa Pinheiro [às19h]
Participantes das Rodas de Conversa: Edinizis Belusi, Jairo (inclusão pela música), Marcos Petry, Elyse Matos e Dra. Roberta Mustacchi

________________________________________

EDINIZIS BELUSI https://www.instagram.com/edinizis/
Fonoaudióloga pela USP, mestre em linguística pela UnB. Atua primordialmente com intervenção precoce intensiva e nas alterações do desenvolvimento há sete anos. Pesquisadora do desenvolvimento infantil, tem atuado no desenvolvimento de ferramentas de acompanhamento do desenvolvimento. Especializanda em análise aplicada do comportamento, possui formação no modelo Denver de intervenção precoce (ESDM-UC Davis) e para diagnóstico de TEA (ADOS-II). Tem vasta experiência no acompanhamento e avaliação do desenvolvimento infantil e na orientação e treinamento de pais e profissionais em todo o Brasil.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Não dá pra falar de inclusão sem falar de amor.
Não um amor qualquer, mas Aquele Amor que sabe colocar o outro no centro, em vez de si mesmo.
O Amor que sabe sair de si pra acolher.
O Amor que sabe olhar além e perceber que sempre há algo bom a ser descoberto, porque todos somos bons em essência, porque imagem e semelhança daquele que é O Bom.
Inclusão é dar espaço e ajuda pra que cada um possa vir a ser exatamente aquilo que foi criado pra ser. No Amor.

___________________________________________

JAIRO BEPPLER
Formado em Artes Plásticas
Pó Graduação - Interdisciplinaridade
Cursei Violão popular por 3 anos
Professor de violão a 22 anos
Professor de Artes na rede estadual a 22 anos.

____________________________________________

MARCOS PETRY https://www.instagram.com/petrym5/
Portador de uma lesão cerebral e autista. Ele possui o canal Diário de um Autista no YouTube, através do qual divide experiências de inclusão, bem como afirma a crença nos talentos de cada indivíduo no espectro ao invés do luto ou desconsideração de tais potencialidades, canal este que tem mais de 140 mil inscritos.

Marcos é escritor e palestrante. Tem dado conferências pelo Brasil abordando a educação inclusiva e as ferramentas para que se obtenham contextos inclusivos no lar.

Além de produtor de conteúdo e palestrante,Marcos é escritor: Publicou as obras: “Contos de Meninos e Meninas, Contos de Homens e Mulheres (2016).

Memórias de um Autista por ele Mesmo vol I (2018) e Memórias de um Autista por ele Mesmo volume II (2019).

Por seus serviços prestados a sociedade catarinense, foi laureado com a Comenda do Legislativo Catarinense, maior honraria do estado de Santa Catarina.

_________________________________________

ELYSE MATOS https://www.instagram.com/caprichanainclusao/
Advogada. Mestre em Direito Francês, Europeu e do Comércio Internacional pela Universite Sorbonne (Paris II); especialista em direito financeiro e tributários pela Universidade Sorbonne (Paris II). Certificada em Inovação e empreendedorismo pela Stanford University. Membro consultivo da Comissão de Direito da Pessoa com Deficiência do Conselho Federal da OAB. Condecorada com a Comenda da Ordem da Luz dos Pinhais pelos serviços prestados à comunidade curitibana em 2018.
Fundadora do Instituto Ico Project coordenadora nacional , no Brasil, do programa de Treinamento de pais da Organização Mundial da Saúde. Coordenadora do movimento Capricha na Inclusão

______________________________________________
DRA. ROBERTA MUSTACCHI
CREFITO: 45474-F
Cepec-SP – Centro de Estudos e Pesquisas Clínicas de São Paulo
R. Morishigue Akagui, 59 – Morumbi – São Paulo/SP – CEP: 05615-140
[email protected]
Contato: (11) 3721-6200 / 3721-3589 www.sindromededown.com.br

Graduada no Curso de Fisioterapia pela Universidade Paulista,2001;
Especialização em Fisioterapia Respiratória Pediátrica no Instituto da Criança (HC), 2002;
Pós Graduação: Especialização em Psicomotricidade pela ISPE-GAE-OIPR, 2003-04;
Especialista no Conceito Bobath – formação com Dra. Sônia Gusman e Dra. Péssia Meyerhoff, 2003;RPG-IPI – COFFITO, 2004.
Pós-Graduação: Especialista em Síndrome de Down pelo Curso de Especialização em Síndrome de Down T-21.
Responsável pelo canal @t21.sindromededown canal no YouTube: T-21 síndrome de Down
Especialista em Fisioterapia aquática pelo método Watsu e halliwick.
Criadora das Palmilhas Funcionais T21.

LIVROS PUBLICADOS:Mustacchi, Z., Salmona, P., Mustacchi, R. “Trissomia 21 (Síndrome de Down) – Nutrição, Educação e Saúde”, Editora Memnon, São Paulo/SP, dez/2017;
Guia do Bebê com Guia do Bebê com Síndrome de Down, Organizador Mustacchi, Z. Companhia Editora Nacional: Associação Mais 1”. Cap. 6 “Fisioterapia”, pg. 55-70 – São Paulo/SP – 2009.
Guia do Bebê com a T21 , Organizado por Mustacchi,R. Editora Memnon, São Paulo/Sp, dez 2019

TRABALHOS PUBLICADOS
Parâmetros antropométricos de dorsiflexão em pacientes lactentes portadores de síndrome de Down –
Uma proposta – TCC – São Paulo/2001;Síndrome do Pterígio Múltiplo (Síndrome de Escobar) – Abordagem Clínica, Diagnóstico e Aspectos
Preventivos
Modelo Didático a partir da Computação Gráfica para Entendimento dos Mecanismos Causadores da
Síndrome de Down
Perfil Pondero-estatural de um Grupo de 4.360 Portadores da Síndrome de Down Analisados no Brasil – Weight and Height Profile of a Group of 4,360 Down Syndrome Patients Analysed


  • 1. Edinizis Bellussi [às 9h]
  • 2. Jairo Beppler e Marcos Petry [às 12h]
  • 3. Elise Matos - Capricha na Inclusão [às 15h]
  • 4. Dra. Roberta Mustacchi [às 19h]
Participantes das Rodas de Conversa: Dr. João Alberto Martinez, Suélen Carolini de Paula, Dra. Renata Costa de Miranda Santos e Lu Lopes (Palhaça Rubra).

__________________________________________________

DR. JOÃO ALBERTO MARTINEZ https://www.instagram.com/joaoalbertomartinez/
Cirurgião Dentista e Coordeno um programa de Pós-graduação em Ortopedia Funcional dos Maxilares aqui em SP há 20 anos. Temos um trabalho interessante com crianças portadoras de necessidades especiais.

____________________________________________________

SUÉLEN CAROLINI DE PAULA https://www.instagram.com/ateliesuelendepaula/
Estudante de Design de Moda, professora de corte e costura, pesquisadora sobre inclusão na moda e apaixonada por sustentabilidade. Finalista do Prêmio Brasil Sul de Moda Inclusiva

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: A inclusão na moda não tem que ser diferenciada, mas sim adaptada. Podemos, por exemplo, utilizar os aviamentos para facilitar a vestimenta, e ser sensorial para poder distinguir as peças.

______________________________________________________

DRA. RENATA COSTA DE MIRANDA SANTOS https://www.instagram.com/renatasantoshomeschooling/
Mãe homeschooler e fisioterapeuta. Dedicou boa parte de sua carreira atendendo crianças e lecionando na universidade sobre elas. Hoje dedica-se a educar seus filhos em casa e é Diretora Acadêmica do Classical Conversations Brasil.

DICA DE INCLUSÃO REVERSA: Como profissional, aprendi a escutar. Com o tempo descobri que os grandes especialistas eram eles mesmos. Daí nasce a verdadeira equipe: a cumplicidade de quem ensina, com a humildade de quem aprende.

___________________________________________________________

LU LOPES (PALHAÇA RUBRA) https://www.instagram.com/palhacarubra/
É formada pelo Teatro Escola Célia Helena. Em seguida entrou para o corpo de professores da Casa do Teatro. Palhaça há 26 anos, iniciou sua trajetória na palhaçaria com a mestra em palhaçaria, Cristiane Paoli-Quito. Fez parte dos Doutores da Alegria, Jogando no Quintal, entre outros. Circula periodicamente pelo Brasil com espetáculos da Palhaça Rubra voltados para a família.

Na área da pedagogia criativa, vem construindo continuamente uma trajetória autodidata com o conceito de ALTA TECNOLOGIA HUMANA e o método fundamentado na Autonomia Criativa em parceria com a UNICAMP (Marco Bortoleto e Grupo Circus). Foi indicada duas vezes ao Prêmio Governador do Estado em São Paulo na categoria de circo (2011 e 2013). Foi homenageada pelo reconhecimento e valor artístico no Centro de Memória do Circo. Como escritora foi vencedora do Prêmio Jabuti de literatura infanto juvenil, na categoria paradidático (2015) com o Almanaque da Banda Gigante (Editora SESI/ 2015). Na Tv Rá Tim Bum (TV Cultura) tem o programa diário, RUBRA E AS CRIATURAS, e fez a trilha Sonora da última temporada Vila Sesamo (2017).


  • 1. Dr. João Alberto Martinez [às 9h]
  • 2. Suélen Carolini de Paula e Dra. Renata Costa de Miranda Santos [às 12h]
  • 3. Lu Lopes (Palhaça Rubra) [às 19h]
Voltar ao topo